Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Imagem

Os Estudos Físicos de Antropologia no Museu Nacional do Rio de Janeiro

Subtítulo: 
Cientistas, objetos, idéias e instrumentos (1876-1939)
Autor(a): 
Adriana Tavares do Amaral Martins Keuller
Área: 
História Social
Ano: 
2012
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

Este trabalho analisa o processo de institucionalização da Antropologia no Museu Nacional do Rio de Janeiro entre 1876-1939. Operando com as continuidades e descontinuidades do período, a pesquisa foca nas mudanças políticas e institucionais e tenciona observar o desenvolvimento da atividade científica da Antropologia. Pretendemos caracterizar esta prática científica, identificar os cientistas, reconstruir sua rede de intercâmbio entre cientistas e instituições, conhecer seus problemas e questões discutidas, e como eles faziam suas pesquisas e construíam conhecimento.

Abstract: 

This work analyses the institutionalization process of Anthropology in the National Museum at Rio de Janeiro between 1876-1939. Operating with continuities and discontinuities in the period, the research focuses on the political and institutional changes and intends to observe the development of scientific activity in Anthropology. It pretends to characterize this scientific practice, to recognize the scientists, to reconstruct the interchange networking between scientists and institutions, to know the issues and the questions they discussed and how they develop their research and build know how.

AnexoTamanho
Adriana.pdf13.11 MB