Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Imagem

Os ritmos de Catatau

Subtítulo: 
Abordagem tensiva do romance de Paulo Leminski
Autor(a): 
Bruna Paola Zerbinatti
Área: 
Linguística
Ano: 
2012
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

A teoria semiótica de linha francesa, em seu início, tinha como preocupação maior as questões do inteligível, quando Greimas propôs um percurso gerativo do sentido capaz de dar conta dos diversos sistemas de significação. Entretanto, com o passar do tempo, as questões da ordem do sensível e do afeto se colocaram como um desafio para os analistas e pediram espaço na teoria trazendo textos em que a narrativa não era central. Claude Zilberberg, em especial, é um dos autores que caminha na direção de propor a primazia do sensível em relação ao inteligível com os recursos do que veio a se chamar semiótica tensiva. Acompanhando o movimento feito tanto pela teoria quanto pela literatura, nossa dissertação tem como objeto um romance experimental, Catatau, de Paulo Leminski, que se apresenta como uma obra de difícil acesso devido à sua pouca linearidade narrativa. Nosso intuito é abordar a obra pelo viés da teoria tensiva tentando apontar caminhos possíveis de leitura a partir de estratégias e procedimentos recorrentes no texto. Assim como Zilberberg encontra no modelo saussuriano da silabação um sistema rítmico passível de ser expandido a todos os domínios semióticos, podemos encontrar em um romance como o Catatau células ou elementos que se repetem em determinados intervalos criando uma lei, uma orientação, enfim, um ritmo. É curioso notar, no entanto, que no caso da obra analisada, tal ritmo se mostra mais como um desorganizador da linguagem que como um organizador. Queremos com isso dizer que é a alternância da célula rítmica que provoca no leitor o efeito ininteligibilidade. Evidentemente que há diversos outros recursos, principalmente de nível discursivo, que também reforçam esse efeito, como mostramos ao longo do trabalho. Enxergamos então o romance de Leminski menos como uma narrativa diluída que como o produto de uma vivência, sendo que tal vivência só é possível por meio de um sujeito sensível, afetado pelo que está à sua volta. É nessa linha de abordagem que encontramos os meios para explicitar a construção do sentido do texto, objetivo por excelência da teoria semiótica.

Abstract: 

In its beginnings, the French semiotic theory had as its major concern the issues of the intelligible, when Greimas proposed a generative path of meaning capable to comprise many systems of meaning. In the course of time, though, the analysts were defied by issues related to sensibility and affection, which claimed for a place in theory, through texts in which narrative was not central. Claude Zilberberg, in particular, is one of the authors who defends the primacy of the sensibility over intelligibility through the features of which came to be called tensive semiotics. Following this movement both through theory and literature, this dissertation chooses as its subject an experimental novel, Paulo Leminski’s Catatau, almost considered an unintelligible work due to its non-linear narrative patterns. We aim to approach this novel through the tensive semiotics theory, proposing some ways for its reading based on the text’s iterant strategies and procedures. As Zilberberg finds in Saussure’s syllabic model a rhythmic system which can be expanded to all semiotic domains, we can find in a novel like Catatau cells or elements which repeat in certain intervals, creating a rule, an orientation, a rhythm at least. In Catatau, this rhythm seems much more to disorganize than to organize the language. It means that it’s the rhythmic cell interchange that leads the reader to that effect of unintelligibility. Of course that there are more features that reinforce this effect within the novel, as we show along our work. That means that we see Leminski’s novel less as a diluted narrative and more as the offspring of some experience only made possible if built upon some person’s sensibility, affected by his/her surroundings. On this specific approach we find our means to make explicit the building of the text meaning, which is considered the semiotic theory main goal.

A narração dificultosa

Subtítulo: 
"Cara-de-bronze de Guimarães Rosa"
Autor(a): 
Emmanuel Santiago
Área: 
LELEHA - Espanhol
Ano: 
2012
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

“Cara-de-Bronze”, uma das sete narrativas que integram o Corpo de baile de Guimarães Rosa, caracteriza-se pela variedade de seus recursos técnico-formais, que incluem narração, texto dramático, notas de rodapé, um roteiro cinematográfico e formas de expressão da cultura popular. O objetivo deste trabalho é demonstrar como esse complexo arranjo formal deriva da configuração de uma experiência histórica específica, relacionada ao modo como o capitalismo industrial se desenvolveu no Brasil, conjugando-se com instituições, práticas e valores legados de nosso passado colonial.

Abstract: 

“Cara de Bronze” is one of the seven narratives which makes up Corpo de Baile, written by Guimarães Rosa. This narrative is characterized by its variety of technical and formal resources, including narration, dramatic text, footnotes, a film script, and modes of expression of popular culture. The aim of this work is to demonstrate how this complex formal arrangement derives from a specific historic experience, which is related to the way industrial capitalism was developed in Brazil, combining with institutions, practices and values that were legacies of our colonial past.

Referenciação, metáfora e argumentação no discurso presidencial

Autor(a): 
Renata Palumbo
Área: 
Filologia e Língua Portuguesa
Ano: 
2013
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

Nesta pesquisa, nosso propósito consistiu em examinar o papel retórico e referenciador da metáfora e em observar como se constituem e se articulam os processos referenciais promovidos pela associação de domínios díspares nas várias etapas dos discursos presidenciais, dirigidos a líderes políticos mundiais especificamente. Para alcançar esse propósito, propusemo-nos aos seguintes passos de investigação, a partir do tratamento qualitativo dos dados: examinamos as metáforas centrais selecionadas e detectamos o momento em que elas apareceram nos pronunciamentos; observamos as redes referenciais relacionadas a essas metáforas; analisamos a função argumentativa da articulação dessas redes metafóricas, na organização discursiva, levando em conta as condições específicas de produção de cada discurso. Nosso corpus constitui-se de dez discursos do ex-presidente da República Federativa do Brasil Luis Inácio Lula da Silva, proferidos: em Davos (2003 e 2005), na Assembleia Geral das Organizações das Nações Unidas, em Nova Iorque (2004), na China (2004), em Portugal (2003 e 2005), na Índia (2004), no Quênia (2010) e na 39º Reunião de Cúpula do Mersocul, na Argentina (2010). As análises permitiram detectar a existência de metáforas centrais inter-relacionadas e articuladas à argumentação dos discursos. Depreendemos ter havido muitas ocorrências de redes referenciais específicas dessas metáforas, que foram, principalmente, estruturadas pela lógica dos contêineres. Tais resultados levaram-nos a entender que a metáfora conceptual é tanto recurso de referenciação, que pode ser selecionado estrategicamente para fins argumentativos, quanto elemento estruturado e estruturante dos processos referenciais. Nosso trabalho adotou como referencial teórico: i) estudos sobre a referenciação, a partir de Mondada e Dubois (2003), Apothéloz (2003), Marcuschi e Koch (1998), ii) reflexões em torno da argumentação, em que se destacam os trabalhos de Perelman e Olbrechts-Tyteca (2002 [1958]) e Aquino (1997); iii) investigações sobre a metáfora conceptual, realizadas por Lakoff e Johnson (1980, 2003), Kovecses, (2005), e a respeito do discurso político, a partir de Charteris-Black (2011), Chilton (2004).

Abstract: 

The aim of this research was to examine the rhetorical and referential role of metaphors, and to analyze the constitution of the referential processes promoted by the association of different domains in the various stages of presidential speeches given to world political leaders. In order to achieve such a goal, the following research steps were carried out, subsequent to the qualitative analysis of the data: selected central metaphors were examined and the moment when they occurred in the speeches were detected; the referential networks related to those metaphors were observed; the argumentative role of the articulation of those metaphorical networks in the discursive organization were observed, taking into account the production conditions that are specific to each speech. The corpus is formed by ten speeches by the former president of the Federative Republic of Brazil, Luis Inácio Lula da Silva, which were given in Davos (2003 and 2005), at the General Assembly of the United Nations Organization, in New York (2004), in China (2004), in Portugal (2003 and 2005), in India (2004), in Kenya (2010) and at the 39th Mercosul Summit, in Argentina (2010). The analyses have allowed the detection of central metaphors inter-related and articulated to the argumentation of the speeches. Specific referential networks of those metaphors have been noticed to be pervasive and structured according to the container logic. These results suggest that conceptual metaphors are both a referential resource, which might be used for argumentative purposes, and an element that structures and is structured by the referential processes. This work has as its theoretical reference: i) the studies on referentiation by Mondada and Dubois (2003), Apothéloz (2003), Marcuschi and Koch (1998); ii) reflections on argumentation by Perelmand and Olbrechts-Tyteca (2002 [1958]), and Aquino (1997); iii) research on conceptual metaphors carried out by Lakoff and Johnson (1980, 2003), Kovecses, (2005), and on political discourse, by Charteris-Black (2011), Chilton (2004).

Isaak Bábel

Subtítulo: 
E seu diário de guerra de 1920
Autor(a): 
Henady Malarenko
Área: 
LLCR - Russo
Ano: 
2012
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

O Diário escrito por Isaak Bábel, durante sua participação na guerra russo-polonesa de 1920, serviu de base para a sua obra mais importante “Konármia” ou “O Exército de Cavalaria”.

A existência desse material permite entrever os bastidores da técnica criativa de um dos grandes mestres do conto russo do século XX, conforme foi visto na análise de alguns trechos do Diário, comparados com os de “Konármia”.

No entanto, o “Diário de 1920”, de per si, não deixa de representar, hoje, uma obra com marcantes características literárias.

Assim, o nosso objetivo foi, inicialmente, fazer uma tradução direta do Diário de Bábel, do russo para o português.  A seguir, ao lado de sua breve biografia, uma análise e uma discussão de sua maneira de construir o que hoje é considerada uma obra literária.

Abstract: 

The Diary written by Isaak Babel, during his participation in the Russian-Polish war of 1920, was the basis for his most important work “Konarmia” also called “The Red Cavalry”.

The existence of this material allows us to foresee the backstage of the creative technique of one of the great Russian short story masters of the XX century, as we saw analysing some parts of the Diary and comparing them to the short stories of “Konarmia”.

However, the “1920 Diary”, is considered today – by itself – a literary work, with relevant artistic characteristics.

Therefore, our goal was initially the direct translation of the Diary from Russian into Portuguese. Afterwords, beside his short biography, an analysis and discussion of his method of constructing the Diary as a literary piece.

Para ver os gnomos

Subtítulo: 
Close reading do romance “O beijo de Esaú” por Meir Shalev
Autor(a): 
Naama Silverman Forner
Área: 
Estudos Judaicos e Árabes
Ano: 
2012
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

O objetivo deste trabalho é sugerir uma análise detalhada do romance Essav (Esaú) pelo autor israelense Meir Shalev.

O romance foi publicado em 1991, e é essencialmente uma espécie de saga, que transmite a história de algumas gerações de uma família judia, desde os primeiros dias da colonização sionista na terra de Israel.

Meir Shalev começou a escrever no final dos anos oitenta e pertence à geração pós-modernista. Sua escrita mostra influências das características de seu tempo. Mesmo assim, ainda podemos detectar em seu trabalho tendências modernistas que estão sendo manifestadas na busca de encontrar um sentido para a vida e na tentativa de representar sua complexidade.

A metodologia da análise detalhada do romance se baseia em várias fontes teóricas: a primeira é “Close Reading”, um termo cunhado por Richards, um dos líderes da escola nova crítica. O procedimento desta leitura é focar atentamente nas palavras escritas, na 

tentativa de descobrir e descrever todos os efeitos de suas relações linguísticas. 

Outra fonte metodológica é o ensaio famoso de Roland Barthes e sua afirmação de que o autor está morto. A morte do autor permite o nascimento do leitor que pode assumir novas autoridades para com o texto na frente dele.

O "dialogismo" de Bakhtin fornece uma outra base teórica importante. Segundo esta teoria, qualquer expressão verbal provoca relações intertextuais com muitos outros discursos. Desde o romance Essav é rico em alusões e citações da Bíblia e da literatura ocidental, a intertextualidade é igualmente uma ferramenta interpretativa importante.

A análise do romance começa com uma tentativa de descobrir os princípios que organizam a sua estrutura, o que pode parecer uma espécie de colagem ou uma colcha, feita de diferentes ítens que estão ligados sem qualquer orientação distinta.

O romance apresenta um conceito de que os acontecimentos históricos são, na verdade, ciclos repetitivos. Uma tentativa de compreender a natureza do tempo é outro tema embutido nele.

O romance também trata de questões humanas e as relações entre o homem, a terra e a natureza, elementos que recebem teor mitológico no romance. Estes temas estão também ligados à questão da ideologia sionista e seu impacto sobre a estratificação social das primeiras gerações de assentamento pioneiro.

Outros temas derivam da análise dos fundamentos bíblicos no romance, especialmente as histórias sobre o relacionamento e o destino dos gêmeos Jacó e Esaú.

Temas centrais adicionais, típicos na poética de Meir Shalev, são aqueles de realização e perda e de  relação entre a ficção e a realidade. Este ultimo tema é construído pelo uso massivo de citações e alusões à literatura mundial e por um estilo de narrativa de um trovador. Este estilo rompe a ilusão de realidade, salientando o ato de narrar em si só.

 

 

Abstract: 

The purpose of this work is to suggest a detailed analysis of the novel Esav (Esau) by the Israeli author Meir Shalev.

The novel was published in 1991, and is essentially, a type of saga, which conveys the story of four generations of Jewish family starting from the first days of Zionist settlements in the land of Israel.

Meir Shalev, who started writing in the late eighties, belongs to the postmodernist generation, and his writing shows influences of the tendencies of his time. Even so, we can still detect in his work, clear modernist trends, which are being manifested in a search for meaning and in portraying the complexity of life.

The methodology of the detailed analysis of the novel relies on several theoretical sources: the first is 'close reading’, a term coined by Richards, one of the leaders of the new criticism school. The procedure of close reading focuses on the words on the page, in an attempt to discover and describe all the effects of their linguistic relations. Another methodological source is the famous essay of Roland Barthes and his assertion that the author is dead; the death of the author allows the birth of the reader, who can assume new authorities towards the text in front of him. 

Bakhtin’s ‘Dialogism’ provides another important theoretical basis. According to this theory, any verbal utterance provokes intertextual relations with many other utterances. Since the novel ‘Esav’ is rich with allusions and quotations from the Bible and Western literature, intertextuality is also an important interpretative tool.

The analysis of the novel begins with an attempt to uncover the principles that organize its structure, which might appear to be a kind of collage or a quilt, made of different items that are attached together, without any distinct guideline. 

The novel presents a concept that historical events are actually repeating cycles. An attempt to understand the nature of time is another theme embedded in it. 

The novel also deals with human relationships and man’s attitude to earth and nature, elements that receive a mythological design in the novel. These themes are also connected to the question of Zionist ideology and its impact on the social stratification of the early generations of pioneering settlement. 

More themes derive from the analysis of the role of the biblical infrastructure of the novel, especially the stories about the relationship and the fate of the twins Jacob and Esau. 

Other central themes, typical of Meir Shalev’s poetics, are those of fulfillment and loss, and the relationship between fiction and reality. 

The last theme is established by a massive use of quotations and allusions to world-literature and by a narrative style of a troubadour. This style breaks the illusion of reality and thus, emphasizes the act of telling in itself. 

 

Uma abordagem do romance Kokoro de Natsume Sôseki

Autor(a): 
João Marcelo Amaral Reimão Monzani
Área: 
LLCJ - Janonês
Ano: 
2011
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

A presente dissertação tem como objetivo uma aproximação crítica à obra de ficção Kokoro de autoria de Natsume Sôseki publicada em 1914. Como eixo temático central dessa abordagem foi escolhida a tópica  do individualismo – primordial na obra em foco e em sua fortuna crítica. Inicialmente, no capítulo 1, buscamos traçar as significações centrais do conceito em questão, qual seja, o individualismo na visão de pensadores e escritores ocidentais. Em seguida, no capítulo 2, verificamos como essa noção foi tratada pelo autor, para além do plano ficcional, na palestra ‘Meu individualismo’ proferida em 1914, texto esse inédito em português que traduzimos para esse trabalho. Finalmente, no capítulo 3, realizamos uma leitura por via da crítica literária do romance Kokoro, sempre com ênfase em nosso recorte temático.

 

Palavras-chave: Kokoro; Natsume Soseki; Individualismo; Ficção Japonesa; “Meu individualismo”

Abstract: 

This dissertation is centered in a critical reading of the novel Kokoro, published in 1914, by Natsume Soseki. As the central thematic axis of our research it was chosen the notion of individualism – given its importance to the analysed novel and its critical reception.  First, in chapter 1, we tried to clarify the concept of individualism and its central meanings. Then, in chapter 2, we examined how such notion has been worked upon by the writer not in his fictional prose, but in a  lecture called ‘My individualism’, which has been translated for the first time into Portuguese for our specific purpose. Finally, in chapter 3, we have critically examined the novel, always bearing in mind our thematic focus.

 

Keywords: Kokoro; Natsume Soseki; Individualism; Japanese fiction; “My Individualism”

Educando sentidos, orientando uma práxis

Subtítulo: 
Etnografia das práticas assistenciais de evangélicos brasileiros
Autor(a): 
Eva Lenita Scheliga
Área: 
Antropologia Social
Ano: 
2011
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

A presente tese toma as práticas assistenciais evangélicas como objeto privilegiado para a análise das relações entre religião e esfera pública, aqui compreendida como uma arena de mediação de sentidos. Amparada pela abordagem desenhada por Habermas, formula-se a hipótese de que a assistência seria uma espécie de baliza que permite atribuir verossimilhança a determinados posicionamentos públicos, dado que faculta conexões muito singulares entre diferentes campos discursivos (como religião, direito, política e economia) e que, quanto mais complexas forem estas conexões, maior abrangência terá a argumentação e, por consequência, tanto maior será a probabilidade de ela ser levada em consideração na esfera pública. Elementos oriundos da teoria da prática formulada por Bourdieu também são utilizados para analisar estas relações. Disto resulta propor que os diferentes arranjos que permitem ampliar os sentidos atribuídos à assistência estejam intrinsecamente relacionados a disposições que, embora sejam compartilhadas, podem ser diferentemente acionadas em cada contexto de ação. Para refletir sobre em que termos estas relações são produzidas e como são agenciados diferentes códigos compartilhados, toma-se como recorte empírico a Igreja Universal do Reino de Deus e a Rede Evangélica Nacional de Ação Social, investindo-se na produção de uma etnografia de seus agentes e de suas práticas.

 

Palavras-chave: assistência; ação social evangélica; protestantismo; pentecostalismo

Cinturão Paulistano

Subtítulo: 
Economia e demografia nas vizinhanças da capital de São Paulo (c. 1798 – c. 1830)
Autor(a): 
Déborah Oliveira Martins dos Reis
Área: 
História Econômica
Ano: 
2010
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

Desde que se iniciaram no Brasil há cerca de quatro décadas, os estudos dedicados à demografia histórica, mormente caracterizados por trabalhos monográficos, têm avançado de maneira significativa em seus aspectos quantitativos e qualitativos, especialmente no que tange à interdisciplinaridade. Paralelamente à continuidade desses estudos, o trabalho desenvolvido nessa tese analisa o processo de ocupação agrícola e o evolver demográfico-econômico das localidades paulistas de Jundiaí, Atibaia, Bragança Paulista, Nazaré, Jacareí e Mogi das Cruzes, que compunham o que denominamos de cinturão paulistano, contempladas para o período c.1798 a c.1830. O caminho seguido em nosso trabalho envolveu a busca de padrões e regularidades para referidas localidades, área que ao longo de todo o período estudado esteve vinculada à produção de gêneros de subsistência, em maior ou menor intensidade distanciando-as em alguns de seus caracteres, mas as aproximando em outros, levando aos padrões encontrados para as características demográficas de sua população, para a produção levada a cabo e para as estruturas fundiárias ali existentes

Abstract: 

Since it began in Brazil almost four decades ago, studies devoted to historical demographics, especially characterized by monographs, have advanced significantly in their quantitative and qualitative aspects, especially with respect to the interdisciplinarity. Parallel to the continuity of such work, we analyze the process of agricultural occupation and the demographic-economic development in São Paulo sites of Jundiaí, Atibaia, Bragança Paulista, Nazaré, Jacareí and Mogi das Cruzes, who comprised what we call "paulistano belt", referred to the period c.1798 to c.1830. We search for patterns and regularities to those localities, area that throughout the period studied was linked to the production of genres of subsistence, to a greater or lesser intensity - distancing them in some of their characters, but approaching them in other ones, leading to the patterns found for the demographic characteristics of its population, to the production carried out and to the land use structure existing there

Estado e capital ferroviário em São Paulo

Subtítulo: 
A Companhia Paulista de Estradas de Ferro entre 1930 e 1961
Autor(a): 
Guilherme Grandi
Área: 
História Econômica
Ano: 
2010
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

Este estudo tem por objeto a Companhia Paulista de Estradas de Ferro no período de 1930 a 1961. Com o propósito de sanar a lacuna existente na historiografia a respeito da história dessa Companhia após os anos trinta, selecionamos a referida periodização na intenção de ampliar o conhecimento a respeito do tema das ferrovias de São Paulo para além das décadas de 1930 e 1940. Nosso objetivo é analisar o desempenho da Companhia Paulista por meio do exame dos principais indicadores econômicos e financeiros presentes nos relatórios da ferrovia que eram periodicamente apresentados aos acionistas nas assembleias gerais ordinárias. A partir do exame das disputas políticas travadas no âmbito do Estado, busca-se avaliar se a diretoria da Paulista exercia algum tipo de influência sobre as determinações estatais no tocante às políticas de transporte e às políticas voltadas para a promoção do desenvolvimento econômico, especialmente, do estado de São Paulo. Por fim, investigam-se os contornos mais gerais dos principais condicionantes que permearam o processo de estatização da Paulista, ferrovia esta que, a nosso ver, representou o último bastião do transporte privado por trilhos no Brasil, durante o período anterior ao golpe militar de 1964.

Abstract: 

The object of this study is the Companhia Paulista de Estradas de Ferro at the period of 1930 to 1961. With the proposal to fulfill the gap in the historiography about the history of the Company after 1930, we selected this period intending to increase the knowledge about railways in Sao Paulo, beyond the 1930 and 1940 decades. Our aim is to analyze the performance of the Companhia Paulista by investigating the main economical and financial indicators included at the companys reports, periodically submitted to shareholders at ordinary general meetings. By the examination of political disputes within the State, we assessed whether the board of the Company exercised some influence over the state determinations about transport and development policies, especially at the state of Sao Paulo. Finally, we investigate the more general contours of the main factors involved in the process of nationalization of the Companhia Paulista, considering that the railway is, in our view, the last symbol of private transport by rail in Brazil during the period before the military coup of 1964.

Fraturas da metrópole

Subtítulo: 
Objetividade e crise do romance em Berlin Alexanderplatz
Autor(a): 
Gabriela Siqueira Bitencourt
Área: 
LLA - Alemão
Ano: 
2010
Resumo / Abstract / Acta / Resumé / Riassunto
Resumo: 

Publicado em 1929, o romance Berlin Alexanderplatz de Alfred Döblin foi considerado, desde as primeiras resenhas, um marco na literatura alemã. Sua novidade residia, sobretudo, na utilização das técnicas da colagem e da montagem, por meio das quais os fragmentos recolhidos da metrópole foram inseridos no romance como sua própria matéria formal. Döblin tentou, com isso, deslocar o espaço concedido à metrópole, de objeto de representação a sujeito da enunciação. Essa dissertação analisa a composição formal de sua narrativa para compreender o que o novo espaço angariado pela metrópole, em Berlin Alexanderplatz, implica para o gênero. Esse problema dialoga diretamente com a importante discussão da “crise do romance”, que animava os debates de então sobre literatura e encontrava franca ressonância também na produção teórica de Döblin, desenvolvida entre 1910 e 1930. Contrapor Berlin Alexanderplatz às questões levantadas nesses textos teóricos torna ainda mais explícita a relação da obra com seu próprio tempo. Ademais, há uma estrita coincidência entre a importância da objetividade em boa parte da teoria de Döblin e os pressupostos do movimento artístico mais característico dos anos da República de Weimar, a Neue Sachlichkeit. Examinar essa convergência ajuda a iluminar os problemas de uma narrativa que oscila, dialeticamente, entre a representação do destino individual e busca uma montagem realista da metrópole. Todos esses diálogos, além do confronto com a tradição do gênero, ajudam a entrever alguns dos elementos que levaram à configuração, nas palavras de Döblin, dessa “épica da modernidade”.

Abstract: 

Published in 1929, Berlin Alexanderplatz, a novel by Alfred Döblin, was considered – since its first reviews – a landmark in German literature. Its novelty resided above all in the use of the techniques of collage and montage, the use of which made possible that fragments collected in the metropolis could be inserted in the novel as its own formal matter. What Döblin has tried to do with that was to displace the position usually afforded to the metropolis, from object of representation to subject of enunciation. This dissertation engages in an analysis of the narrative formal composition in order to understand what this new position – conquered by the metropolis in Berlin Alexanderplatz – implies to the genre. This problem is in constant dialogue with the very important “crises of the novel” issue, which supported much of the literary debate of the time and has a corresponding development in Döblin’s own theoretical production from 1910 to 1930. Contrasting Berlin Alexanderplatz to the questions posed in these theoretical texts makes the relationship of the novel with its own time even more explicit. Moreover there is a strict coincidence between the importance of objectivity in a good deal of Döblin’s theory and the presuppositions of the most characteristic artistic movement of the Weimar Republic, the Neue Sachlichkeit. To examine this convergence helps us cast some light on the problems of a narrative that dialectically oscillates between the representation of an individual destiny and the search for a realist montage/image of the metropolis. All this dialogues, besides the confrontation with the novel tradition, help us glimpse some of the elements that headed towards the configuration of this, in Döblin’s own words, “epic of modernity”. 

Divulgar conteúdo